NW3615 – Capacete M42 Decal Simples da Luftwaffe – “ET66”

Fora de estoque

REF: NW3615 Categorias: ,

Descrição

“Stahlhelm M42 Luftwaffe”

A modernização do Exército Alemão começou logo após a subida de Hitler ao poder em 1933, um por um, os termos do Tratado de Versailles cairam por terra, abrindo a porta para uma rápida expansão das Forças Armadas e o desenvolvimento de novos equipamentos. Junto a esta expansão estava a criação de um novo capacete para substituir os modelos da I Guerra usados pelos soldados do Reichswehr. O mais moderno capacete de aço surgiu até 1935 para uso das Forças Armadas Alemãs. Os capacetes alemães começaram a ser colecionados quase que ao mesmo tempo com que os soldados alemães se rediam. Os soldados aliados, particularmente os GIs ficavam fascinados pelos itens de equipamentos inimigos capturados e os capacetes alemães, por possuir um design único, rapidamente tornou-se o souvenir favorito pelas tropas que retornavam para casa com lembranças de suas experiências do tempo de guerra. A produção de capacetes para a Luftwaffe permaneceu elevada em 1942, quando Hitler autorizou a criação de unidades de infantaria da Luftwaffe, da mesma forma e com o mesmo peso que as forças de combate ativas em ambos os fronts. Estas Divisões de Combate eram compostas pelo exesso de tripulações aéreas e pessoal de terra. Até o ano seguinte, cerca de 22 Divisões tinham sido formadas, a maioria das mesmas foram aniquiladas na Rússia.

Estado de Conservação: 80%. Capacete de combate alemão modelo M42 com decal da Luftwaffe (2° Modelo). Pintura do casco “cinza azulada” padrão da Luftwaffe, no padrão a partir do modelo 42 de pintura fosca texturizada. Marcado no aba interna ET66, indicando o fabricante “Eisenhutten AG” da cidade de Thale. Tamanho de casco 66, neste caso tamanho grande (bem escasso, são os mais difíceis de serem encontrados). Na aba interna trazeira é marcado o número do lote 1537. Decal da Luftwaffe 2º modelo, retendo mais de 95% do mesmo e seus detalhes. Carneira original, todos os pinos da carneira estão inteiros, assim como as buchas. A carneira possui sinais claros de uso intenso, há manchas escuras bordo, estas manchas são sangue seco na carneira. Ou seja, o dono do capacete se feriu, como não há sinais de dano no capacete, não deve ter sido um ferimento fatal. Não apresenta a jugular (quase todos os capacetes hoje não tem, os vendedores costumam tirar as jugulares originais e vende-las separadamente para aumentar seus lucros). No topo do capacete, há uma coloração branca na forma de retângulo. Essa coloração é função de um esparadrapo medito que foi colado no capacete. Os GI americanos, quando capturavam os capacete, e os enviavam para casa, ainda na Europa, usavam esparadrapo para etiquetar os capacetes e os enviavam por malote desembalados. Nós temos outros capacetes com etiquetas e até com selos de correio que configuram esse envio. O cheiro interno dele é impressionante e muito acentuado (quem sentiu pelo menos uma vez na vida sabe como é e o que significa, este é um dos grandes prazeres de se ter uma peça destas). Cada vez mais escasso e mais valorizado.