NW3265 – Par de Collar Tabs de um Oficial de Engenharia

Fora de estoque

Descrição

“Paar Kragenspiegel für Offiziere der Pioniere”

O uso de ornamentação de colarinho em uniformes militares era utilizado em numerosas nações com a função principal de indicar a patente e o braço de serviço do usuário. Durante o 3. Reich, o collar tabs para a companhia e para as patentes de oficiais apresentavam 2 pequenas alterações, principalmente no material e na forma de construção empregada. A companhia e os graus de oficiais de campo apresentavam o mesmo estilo para todas as patentes de Leutnant a Oberst.

Estado de conservação: 90% – EXCELLENT!!! Fabricado em bullion, indicando ser de oficial. Sem oxidação do bullion metálico prateado. Par de Collar Tabs destinado a túnica de oficial de Engenharia do Exército, com a respectiva Waffenfarbe na cor negra. Utilizado, removido de túnica, é possível ver as marcas de costura, com sinais de desgaste por uso intenso. Dimensões: (4,2×6,7)cm. Peso de ambas as peças: 14,4gr.

Os Pioniere eram uma tropa altamente qualificada e que foram utilizados como pau para toda obra, seja em atividades de construção, como na linha de frente em combates selvagens, geralmente corpo a corpo. Basta dizer que eram eles que combatiam com lança chamas. Dentre muitos, a narração dos feitos que levaram o SS-Hauptsturmführer das Waffen SS “Das Reich” Siegfried Brosow a ser um dos condecorados com a Cruz de Cavaleiro retrata bem o nível de combate que os Pioniere eram submetidos.

“Em 13 de Setembro de 1943, o SS-Hauptsturmführer Brosow foi incumbido de estabelecer posições de segurança no limite das linhas alemãs, na reserva entre os setores da SS-Panzeraufklärung-Abteilung “Das Reich” e o Grenadier Regiment 344. Esta área se situava no sudoeste do monte 188, uma pequena área arborizada ao norte de Kraschantsche no sul da URSS. Este ponto estratégico ao longo do front tinha que ser protegido a todo custo contra as penetrações soviéticas. Nesta data a Divisão “Das Reich” encontrava-se na região de Poltawa, no Grupo de Exércitos do Sul do Front Oriental, fazendo parte do 8º Exército, do III. Corpo de Exércitos. Fogo pesado de artilharia e morteiros foi direcionado contra a posição estratégica alemã e os trabalhos de terra remanescentes a 500m do norte. Uma vez que a barragem de artilharia foi suspensa, se pode ouvir o ruído dos tanques de suport e a infantaria soviética iniciou o assalto às linhas das Divisões alemãs das posições próximas à Perekop. Enquanto a SS-Panzeraufklärungs-Abteilung “Das Reich” tinha posto fora de combate com sucesso 45 tanques T-34 e por meio disso esmagado o assalto do lado direito, a infantaria soviética dirigiu-se para a brecha nas linhas alemãs na área do III./ Grenadier Regiment 344. A infiltração no sistema de trincheiras alemãs se deu por 1.200m da frente, 2 companhias soviéticas se lançaram em um ataque contra o setor de reserva. Os soviéticos foram rapidamente combatidos pela defesa do 1.Pionierkompanie, mas tentaram novamente e novamente e finalmente encontraram uma brecha na linha de trincheiras e os alemães foram obrigados a recuar. Reorganizado o perigo imediato e ignorando sua frágil reserva de segurança, o SS-Haupsturmführer Brosow liderou um contra-ataque pelos flancos soviéticos. Com 45 homens do 1. Pionierkompanie, Brosow se infiltrou nas trincheiras ocupadas pelos soviéticos sob pesado fogo. Um combate fechado corpo a corpo, com submetralhadoras e granadas de mão, sucedeu-se na luta para retomar o solo metro por metro. Depois de avançar 700m, o fogo da artilharia soviética resultou em pesadas baixas alemãs, aumentando a resistência do inimigo, então o ataque alemão teve que ser encerrado. O contato com o seu flanco direito não pode mais ser reestabelecido. Naquela noite, Brosow e seus homens recapturaram a área remanescente durante uma varedura de assalto noturno com o uso de lança-chamas. O ataque alemão aniquilou completamente as unidades soviéticas que haviam penetrado nas brechas das linhas alemãs, incluindo 2 batalhões soviéticos que se preparavam para um ataque. Siegfried Brosow e seus bravos pioniere não somente expeliram a presença soviética entre as linhas alemãs, como também removeram as fileiras soviéticas que dividiam as posições da “Das Reich” em duas. Os soviéticos desistiram de utilizar a principal estrada que conduzia a única ponte sobre o rio Worskla.”