NW203 – Foto Autografada do Tripulante de Bombardeiro da Luftwaffe Oberleutnant Heinrich Südel

Fora de estoque

Descrição

 

 

Nascido em Wellspang, no noroeste da Alemanha, Südel ingressou na Luftwaffe em Potsdam em 1 de outubro de 1937, aos 17 anos de idade. No ano seguinte, fez um curso de operador de rádio e participou das operações de anexação da Áustria e Sudetos. Em janeiro de 1939, seguiu para a Espanha, onde testemunhou os últimos combates da Guerra Civil. Com o começo da II Guerra Mundial em setembro de 1939, Südel não se envolveu na campanha polonesa, pois sua unidade estava postada no oeste, e ele realizou missões de lançamento de panfletos sobre a França no inverno 1939-40. Com a invasão das potências ocidencias em maio de 1940, Südel viu-se transferido para o Kampfgeschwader 55, unidade com a qual permaneceria por toda a guerra. Voando como operador de rádio e posteriormente observador no Heinkel He 111, ele deu apoio às tropas terrestres alemãs desde a Linha Maginot até o Atlântico. Em seguida, durante a Batalha da Inglaterra, o KG 55 começou a cruzar o Canal da Mancha para atacar os portos e docas inglesas, de dia e noite. Em determinada missão, o He 111 de Südel foi seriamente danificado por um grupo de caças da RAF, mas o piloto conseguiu levar o avião até a França com apenas um motor, fazendo um pouso forçado na praia. Tendo completado 86 missões contra a Inglaterra, ele recebeu as duas classes da Cruz de Ferro, e foi comissionado Leutnant. Em junho de 1941, integrado ao Luftlotte 4, o KG 55 iniciou operações na União Soviética, e lá Südel começou a enfrentar a temível artilharia antiaérea vermelha na Ucrânia e no Don. Entre 23 e 24 de agosto de 1942, Südel participou do esforço máximo do KG 55 contra Stalingrado, no pujante bombardeio que destruiu o centro da cidade. Por essas ações ele foi condecorado com a Cruz Alemã em Ouro em 8 de setembro. Ele ainda participou do desesperado esforço de suprimento aéreo do 6. Exército, agora cercado na cidade de Stalingrado por tropas russas. Além de levar suprimentos, os He 111 evacuavam feridos de dentro do bolsão, operando até o limite em janeiro de 1943. Durante a Batalha de Kursk em julho de 1943, Südel esteve envolvido com o suporte direto à ofensiva, e quando a maré virou em favor dos soviéticos, continuou cobrindo a retirada do Exército Alemão. Em 1944, com o término da produção do He 111 – como parte do programa de prioridade dos caças – o contingente humano do KG 55 foi debandado. Os pilotos receberam treinamento em Messerschmidt e Focker-Wulf, enquanto o restante da tripulação foi transferida para divisões de infantaria da Luftwaffe. O Oberleutnant Südel acabou como oficial de observação do estado-maior da unidade, recebendo em 23 de abril de 1945 a Cruz do Cavaleiro da Cruz de Ferro por suas 384 missões de combate durante a guerra, na Espanha, França, Inglaterra, União Soviética, Polônia e Romênia. Faleceu no dia 12 de agosto de 2011 em Rösrath, Alemanha, de causas naturais aos 91 anos de idade, o ganhador da Cruz do Cavaleiro, Oberleutnant Heinrich Südel. (Fonte: www.saladeguerra.com.br).

 

Copia moderna de uma foto original de época com o autografo original de punho do veterano. Assinatura em caneta cinza. Dimensões (10,2×15,2)cm

Informação adicional

Peso 1000 kg
Dimensões 50 × 50 × 50 cm