NW1118 – Cruz de Cavaleiro da Ordem da Casa Real de Hohenzollern com Espadas da Prússia

“Ritterkreuz das Königlicher Hausorden der Hohenzollern mit Schwertern”

Fora de estoque

Descrição

A Ordem da Casa Real de Hohenzollern foi instituída originalmente em 05.12.1842 por um decreto conjunto do Príncipe Konstantin (do Principado de Hohenzollern-Hechingen) e do Príncipe Karl Anton (do Principado de Hohenzollern-Sigmaringen). Esses dois Estados, situados no sul do que é hoje a Alemanha, pertenciam à linha colateral católica da Casa Real de Hohenzollern, primos da casa real Hohenzollern protestante que governava a Prússia. Em 23.08.1851, após os dois principados serem anexados pela Prússia, a ordem foi adotada pela linhagem prussiana e passou a ser denominada Ordem da Casa Real de Hohenzollern (Königlicher Hausorden von Hohenzollern ou Königlich Hohenzollernscher Hausorden). Por sua vez, esse nome foi escolhido para diferenciá-la da Ordem da Casa Principesca de Hohenzollern (Fürstlicher Hausorden von Hohenzollern ou Fürstlich Hohenzollernscher Hausorden). A Ordem da Casa Real de Hohenzollern era concedida em quatro classes distintas: Grande Comandante (Großkomtur); Comandante (Komtur); Cavaleiro (Ritter); Membro (Inhaber). A classe mais baixa, “Membro” era destinada a soldados alistados e graduados (não comissionados) e civis. Os membros desta classe podiam ser agraciados com a Cruz dos Membros da Ordem (Kreuz der Inhaber) – que raramente foi concedida – ou com a “Águia dos Membros da Ordem” (Adler der Inhaber) que era quase sempre entregue como um reconhecimento por tempo de serviço em carreiras civis. Os três níveis mais altos, por sua vez, podiam ser entregues na versão com espadas, para reconhecer feitos de bravura e mérito durante conflitos armados. Nessas ocasiões a fita da medalha a fita passava a ser idêntica à da Cruz de Ferro de 2ª Classe. Nas versões concedidas em tempos de paz (sem espadas), a fita era dotada de sete listras de igual tamanho nas cores alternadas entre preto e branco. Essa condecoração sempre foi tida em alta conta entre os prussianos e, após a unificação da Alemanha, entre os súditos do Kaiser. Durante a I Guerra Mundial, a Cruz de Cavaleiro da Ordem da Casa Real de Hohenzollern tornou-se, na prática, para os oficiais do Exército Imperial alemão, uma condecoração intermediária entre a Cruz de Ferro de 1ª Classe e a cobiçada Pour Le Mérite. Nesse sentido, ela cumpria o mesmo papel que seria destinado à Cruz Germânica, dentro da Wehrmacht, durante a II Guerra Mundial. Seu prestígio pode ser medido considerando-se que apenas cerca de 8.300 Cruzes de Cavaleiro desta Ordem foram concedidas entre 1914-1918. Interessante notar que, embora o Kaiser Wilhelm II tenha abdicado do cargo de Imperador da Alemanha e de Rei da Prússia ao fim da I Guerra Mundial, ele nunca renunciou à sua posição como chefe da Casa Real de Hohenzollern e, deste modo, ele ainda continuou apto a outorgar essa condecoração. Assim sendo, ele continuou esporadicamente a conceder essa condecoração – mas já sem as espadas – até a sua morte, em 1941.

Estado de Conservação: 90% – EXCELLENT!!! A medalha é fabricada em prata, com acabamento em esmalte cerâmico a fogo. Uma leve quebra no esmalte entre o “FELS e o MEER”. Sinais de uso intenso. Marcado na borda do braço inferior “W938”, fabricante Wagner de Berlim e o grau de pureza da prata, 938, elevadíssimo. Uma Condecoração FENOMENAL!!! Acima dela, apenas a Pour Le Merit. Devidamente autenticada no fórum internacional WAF. Por sorte, em anos, é a segunda que conseguimos comprar a bom preço em um curto espaço de tempo no mesmo ano.

Dimensões: Medalha (39,52×58,45)mm, fita (2,6×13,4)cm. Peso da medalha e fita 26,3gr

Informação adicional

Peso 1000 kg
Dimensões 50 × 50 × 50 cm